A aposentadoria é um direito do trabalhador brasileiro contribuinte junto a Previdência Social. Para garantir o benefício é preciso cumprir um certo tempo de serviço, que pode variar de profissão para profissão, ou estar enquadrado em alguma situação de saúde que proporcione o benefício.

Mas você sabia que existem algumas carreiras que que garantem um tempo especial para aposentadoria? Se você quer entender melhor como este direito funciona, fique atento às informações a seguir e saiba de tudo que é preciso:

Como funciona a aposentadoria?

De acordo com as novas adaptações trabalhistas, para conseguir a aposentadoria por tempo de contribuição, o trabalhador homem deve ter exercido 180 meses de trabalho, ter contribuído efetivamente por 35 anos e somar 95 pontos da idade e do tempo de serviço.

Para as mulheres, o tempo de serviço necessário para conseguir dar entrada na aposentadoria é de 30 anos de serviço, precisando somar 85 pontos de tempo exercido e da idade. Vale ressaltar que este tempo é diferente para pessoas que são portadoras de alguma deficiência ou que desejam se aposentar por invalidez permanente. Caso tenha alguma dúvida, você pode consultar INSS online!

Os documentos necessários para dar entrada na aposentadoria são: documento de identificação oficial com foto, CPF, carteira de trabalho e comprovantes de contribuição. É importante conferir se será necessário fornecer outros documentos de acordo com a sua situação. O valor a receber pode depender de vários fatores, para conferir a sua situação verifique o valor da contribuição INSS 2019.

Profissões que aposentam com menos tempo de serviço

A aposentadoria especial é concedida a trabalhadores que exercem profissões mais perigosas que possam comprometer a integridade física do funcionário em questão. Isto porque, estes cargos podem vir a diminuir a expectativa de vida do trabalhador. Confira abaixo algumas destas profissões:

Engenheiros em geral

Os trabalhadores que exercem funções físicas em construções civis, minas, estruturas elétricas e químicas.

Técnicos em radioatividade

Esta profissão tem um alto índice de perigo e exposição a radiação, portanto, os técnicos da área podem se aposentar com um tempo inferior a 30-35 ano, dependendo de cada situação.

Técnicos em laboratórios de análise

Os técnicos desta área estão expostos a vários perigos químicos, por isso podem se aposentar em tempo especial.

Bioquímicos

Estes profissionais também ficam expostos diariamente a perigo químicos.

Tintureiros

Por conta da exposição a substâncias tóxicas, os tintureiros podem se utilizar da aposentadoria especial.

Bombeiros

Devido ao risco de vida e o serviço físico, os bombeiros também se enquadram nesta categoria.

Soldadores

Este profissionais estão diariamente expostos a vários riscos e o desgaste físico é grande.

Existem diversas outras carreiras que seguem este padrão. Se a sua profissão se enquadra nos requisitos de perigo de vida e desgaste físico, então confira a aposentadoria especial!